Bloqueio botao direito mouse

quarta-feira, 31 de março de 2010

CADEIRA PRESIDENTE – FERRARI F360


O assento da Cadeira Presidente, vem de uma Ferrari F360 Challenge, feita em fibra de carbono, sob medida e revestido por um couro Connolly liso preto.

O comprador tem ainda a opção de escolher a cor de base para este lugar de acordo com seu desejo.


Basta lembrar, o cinto não está incluído.

Valor: US$ 8,000

quarta-feira, 24 de março de 2010

FOTOS INÉDITAS DE MARYLIN MONROE VÃO A LEILÃO


Imagens inéditas de Marylin Monroe vieram à tona.

Segundo o jornal inglês "Daily Mail", um lote de fotografias da diva hollywoodiana nos bastidores das filmagens do clássico "Quanto Mais Quente Melhor", foi encontrado recentemente e irá a leilão.


O inusitado é que as fotos são coloridas, e o filme foi produzido em preto-e-branco - de 1959 para cá, todo o material relacionado ao filme sempre foi visto sem cores.

Nas fotos, Marylin aparece descansando nos intervalos das filmagens na Flórida, conversando com seu parceiro de cena Tony Curtis e passeando pelo set. Três anos depois, em 1962, ela seria encontrada morta em sua cama, na casa onde vivia, em Brentwood, um dos bairros mais exclusivos de Los Angeles.


As imagens foram feitas por um jornalista e serão leiloadas em 25 de junho, no Planet Hollywood Resort Casino - Las Vegas.

terça-feira, 23 de março de 2010

TAG HEUER FESTEJA SEUS 150 ANOS COM CAIXA COMEMORTATIVA.


Tag Heuer festeja aniversário de 150 anos com caixa de presente edição comemorativa

A marca suiça de luxo estará lançando uma edição limitada da caixa contendo uma edição limitada do relógio Tag Heuer, o Grand Carrera Calibre 17 Chronograph RS2, e o primeiro telefone da empresa, o Meridian.

Projetado pelo francês mestre artesão Fred Pinel, esta caixa de presente comemorativo será revelado na Baselworld 2010 na Suíça.

Serão apenas 150 unidades, referente a cada ano de existência da empresa.


Preço de US $ 20,000

ALONSO GANHA CARRO NOVO DE PRESENTE DA FERRARI


O piloto foi buscar o novíssimo Maserati GranCabrio, quatro dias após vitória na F-1

Depois de vencer o GP do Bahrein de F-1, o espanhol Fernando Alonso ganhou um presente da Ferrari: o novíssimo Maserati GranCabrio, era uma das cláusulas do contrato assinado com a fábrica italiana - tanto Ferrari, quanto Maserati pertencem à Fiat.


Alonso escolheu a cor cinza granito e combinou o interior em dois tons, bege e vinho - esta última, a mesma cor da capota de lona que cobre o conversível italiano.

O GranCabrio é o primeiro conversível da Maserati com capacidade para quatro pessoas e vem equipado com um motor Ferrari V8 de 4,7 litros de 440 cavalos e câmbio semi-automático de seis marchas e começa a ser vendido na Europa este mês.

*Veja o vídeo do carro

video

segunda-feira, 22 de março de 2010

PROFESSOR FERRAN ADRIÀ


Fazendo quase dois meses que Ferran Adrià, o maior cozinheiro do mundo, anunciou que fecharia seu famoso restaurante El Bulli por dois anos e ganhou todas as capas de jornais do mundo.

Pois hoje, no primeiro dia da Alimentaria, a maior feira de alimentação da Espanha, e do BCNVanguardia, o principal congresso de gastronomia de Barcelona, ele tornou pública outra novidade: a criação de um curso superior de cozinha e ciência junto com a universidade de Harvard. A primeira turma vai de setembro a novembro de 2010 e o programa pretende aproximar a ciência do dia a dia.


Além de Ferran, participam outros chefs do dream team da cozinha catalã, como Carme Ruscalleda, do Sant Pau, e Joan Roca, do El Celler de Can Roca (todos chefs três estrelas).

A ponte entre a universidade americana e a Espanha é a Fundació Alícia, centro de cozinha e ciência nos arredores de Barcelona do qual Ferran é um dos fundadores e lugar chave para quem se interessa por gastronomia.

domingo, 21 de março de 2010

GRIFE FAMOSA PARA PETS


Os pets estão cada vez mais sofisticados.

Agora, além de ficarem por dentro da moda, também vão poder esbanjar glamour com a linha de produtos exclusivos da famosa marca Gucci.

São plaquinhas de identificação com diversos formatos e adereços, bolsas para transporte, coleiras e guias com a tradicional fita verde e vermelha da grife.

Acesse e conheça a coleção
www.gucci.com

sábado, 20 de março de 2010

20 DE MARÇO É O DIA DO MACARON


Há 5 anos o pâtissier Pierre Hermé teve uma idéia genial: comemorar o início da primavera em Paris distribuindo gratuitamente em suas boutiques o seu doce preferido, o tradicional e delicioso macaron.

Quem vive no Brasil, de repente não entende muito bem o motivo da comemoração, mas para quem mora em Paris e sofre com o inverno rigoroso, sabe que quando o calorzinho chega, as pessoas ficam muito mais felizes e simpáticas, as mulheres aproveitam para usar seus vestidos floridos e é só o tempo esquentar um pouquinho mais, que o povo corre para as praças para tomar um solzinho gostoso…
Uma delícia!

Voltando aos macarons, o evento especial tem feito tanto sucesso que outras grandes pâtisseries, como Jean-Paul Hévin, Sadaharu Aoki, Arnaud Lahrer e Laurent Duchêne também resolveram participar das comemorações, que este ano irá receber donativos para instituições de caridade.

Além da capital francesa, o evento irá acontecer em outras cidades da França, Luxemburgo, Bélgica, Suíça, Alemanha, Estados Unidos e Japão.

Para quem está viajando e quer aproveitar o dia 20 de março de uma forma bem docinha é só conferir os endereços no site oficial do Dia do Macaron.

www.jourdumacaron.com/adresses.html


Fonte: Portal IG - Alline Cury

TESLA DESENVOLVE ROADSTER PARA TAG HEUER


A Tesla apresentou o Rodster TAG Heuer, exemplar único desenvolvido para comemorar o 150º aniversário do fabricante de relógios suíço.

Esta edição do desportivo elétrico distingue-se, particularmente, pela estrutura em fibra de carbono pintada no tom cinzento «Foucault Field», incorporando no seu interior, desenvolvido pelo designer Franz von Holzhausen, diversos acessórios da TAG, como um telemóvel Tag Meridiist, uma edição limitada de um cronómetro da marca e, ainda, um compartimento especial na consola central onde será disposto o protótipo de um novo relógio da TAG Heuer.

A TAG Heuer tem desenvolvido, ao longo da sua história, uma grande ligação com algumas das mais prestigiadas equipas do desporto automóvel, contudo, esta é a primeira vez que estabelecemos uma parceria com um construtor de desportivos elétricos», revelou Jean-Christophe Babin, Presidente e CEO do fabricante suíço.

O todo-elétrico Roadster, apresentado no Salão Automóvel de Genebra, vai viajar cerca de 37.000 milhas - a primeira volta da turnê mundial, por um carro GT com emissões zero.

No total, 15 pontos da cidade serão feitos entre março e outubro de 2010.

A primeira parada do carro será Mônaco em 25 de março, a tempo para o início da mostra do carro verde EVER Mónaco, que começa no mesmo dia.


Siga a Odisséia dos Pioneiros.

25-28 março Mônaco
7 de abril Milão
15 de abril de Budapeste
22 de abril Varsóvia
29 abril - 2 maio Moscovo
20-23 maio Deli
3-6 junho Pequim
17-18 junho Xangai
8-11 julho de Tóquio
29-30 julho Los Angeles
de agosto de Miami
2-5 setembro de Nova Iorque
16-19 setembro Londres
30 setembro - 17 outubro Paris

*Veja o vídeo do carro.

video

quarta-feira, 17 de março de 2010

PARIS É A CIDADE MAIS CARA DO MUNDO


Segundo pesquisa e levantamento da empresa Economist Intelligence Unit, Paris é considerada a cidade mais cara para se viver.

A pesquisa avalia o custo de vida, comparando habitação, alimentação, vestuário, serviços públicos e similares em 132 cidades ao redor do mundo.

Ela é direcionada aos executivos e suas famílias que estão sendo transferidas para o exterior.

O ranking atual das 10 cidades mais caras são:

1 - Paris, França
2 - Tóquio, Japão
3 - Oslo, Noruega
4 - Frankfurt, Alemanha
5 - Milão, Itália
6 - Sydney, Austrália
7 - Londres, Reino Unido
8 - Dublin, Irlanda
9 - Chicago, E.U.A.
10 - Xangai, China

“MASSTIGE”: A MASSIFICAÇÃO DO PRESTÍGIO


De tempos em tempos, brotam no mundo do marketing novos termos para definir padrões de comportamento dos consumidores.

É o caso da palavra masstige, popularizada em 2003 pelos consultores americanos Michael Silverstein e Neil Fiske em um artigo da revista Harvard Business Review. O termo é uma junção de mass (massa) com prestige (prestígio) e significa, literalmente, prestígio para as massas. Ao criá-lo, Silverstein e Fiske procuravam conceituar um fenômeno de larga abrangência entre consumidores da classe média nos Estados Unidos (com renda mensal média de 4 200 dólares por família). Os consultores constataram que essas pessoas estavam dispostas a gastar entre 20% e 200% mais em um produto que agregasse mais qualidades em comparação a um concorrente, e principalmente se tivesse inspiração em artigos de luxo. Esse fenômeno provocou dois tipos de reação. A primeira - e mais óbvia - foi a extensão de grandes grifes, como Giorgio Armani, Moschino, Tiffany e mesmo marcas de automóveis, como Ferrari, para linhas de produtos mais acessíveis, criados especificamente para a classe média ascendente. A segunda está relacionada às empresas de produtos de consumo de massa que fazem o caminho inverso ao das marcas de luxo e passaram a desenvolver produtos mais sofisticados, como fez a Disney ao criar vestidos de noiva inspirados nas roupas das princesas de suas histórias e vendê-los por 4 000 dólares. "Esse segmento de mercado se tornou tão significativo que ficou difícil para os gigantes do consumo ignorá-lo", diz Olavo Cunha, sócio da consultoria Boston Consulting Group no Brasil. Até o agravamento da crise global, as vendas de produtos masstige cresciam ao ritmo de 10% ao ano.


O mercado de produtos de luxo costuma ser regido por uma série de peculiaridades, e atendê-las é um desafio complexo para empresas que sempre traçaram suas estratégias de negócios em função dos ganhos de escala e da redução de custos. Os consumidores esperam reconhecer nos produtos masstige os mesmos atributos dos artigos de luxo, como matérias-primas nobres, cuidados típicos de produção artesanal e embalagens sofisticadas. E o ato da compra também costuma ser encarado como uma experiência especial - seja em lojas espetaculares, seja no atendimento personalizado. Em alguns casos, as grandes empresas criam divisões que funcionam, em vários aspectos, de maneira independente para deixar clara a separação entre seus produtos de massa e os mais sofisticados. A Nestlé, maior fabricante de alimentos industrializados do mundo, por exemplo, criou uma empresa nova apenas para gerir seu negócio de café gourmet, a Nespresso, que segue uma dinâmica diferente da operação tradicional do grupo e inclui, entre outras peculiaridades, uma rede própria de 175 lojas, espalhadas por 30 países.

Além de produzir 12 tipos de café vendidos em pequenas cápsulas de alumínio, a Nespresso comercializa as máquinas de expresso - que, no Brasil, custam entre 850 e 10 200 reais. Todos os produtos da marca são vendidos em lojas exclusivas ou pela internet. Das quatro lojas existentes no país, apenas uma, em São Paulo, funciona como cafeteria. Nessa butique de café, cada xícara da bebida custa entre 4,50 e 5,50 reais e até o tempo que o café leva para chegar à mesa do freguês é rigorosamente cronometrado. "Calculamos o tempo exato do atendimento ideal, sem ser apressado nem demorado demais", diz Martín Pereyra, diretor da Nespresso no Brasil. Com previsão de faturamento mundial de 1,6 bilhão de dólares em 2008, a Nespresso é um dos motores da expansão da Nestlé. No ano passado, a Nespresso cresceu 40%, ante uma média de 5% dos produtos tradicionais da empresa. O sucesso fez com que a Nestlé decidisse entrar em um novo segmento voltado para consumidores de alta renda no Brasil, o de chocolates finos.

Apesar de ser relativamente restrito em números absolutos, o mercado de produtos de prestígio tem se tornado irresistível para as grandes empresas. O principal motivo são as avantajadas margens de lucro associadas a esses produtos, que em alguns casos chegam a significar vários múltiplos em comparação com as linhas tradicionais. "Dependendo do produto, obtemos margens até 20 vezes maiores", diz o francês Gilles Bogaert, presidente da filial brasileira da multinacional francesa de bebidas Pernod Ricard, empresa que elegeu o mercado de produtos de luxo como prioridade. Na última década, a companhia tem se concentrado em uma agressiva estratégia de crescimento por meio de aquisições. Boa parte das marcas compradas nesse processo - entre elas o conhaque Martell e os champanhes Mumm Cordon Rouge e Perrier Jouët - tinha um passado de prestígio, mas sofria queda de participação de mercado frente a concorrentes mais fortes. Para resgatá-las, os executivos da Pernod Ricard apostaram em estratégias de marketing arrojadas. A mais recente delas foi o lançamento, em maio, de uma versão limitadíssima do champanhe Perrier Jouët, batizado de By and For e produzido sob medida para apenas 100 compradores. A bebida foi vendida em caixas fechadas de 12 garrafas que custavam 50 000 euros (o equivalente a 5 200 dólares por garrafa). Apesar do foco nas marcas de luxo, a Pernod Ricard não pretende abrir mão de seus produtos populares, como o uísque Natu Nobilis e o rum Montilla, engarrafados no Brasil. "O fato de darmos prioridade a produtos de luxo não significa que abandonaremos as demais linhas", diz Bogaert.

Um dos primeiros cuidados que uma empresa de produtos de massa precisa ter ao entrar no restrito mundo do luxo é a maneira pela qual ela venderá seus produtos. O caminho utilizado pelas mais bem-sucedidas é construir uma rede paralela de distribuição. Foi o que fez a multinacional americana Whirlpool, dona das marcas Consul e Brastemp no Brasil, ao trazer para o mercado nacional no início do ano sua linha mais sofisticada, a KitchenAid, uma espécie de ícone entre os eletrodomésticos. Uma cozinha completa com produtos da marca custa o equivalente a 50 000 reais, valor 60% mais alto do que o dos produtos da linha mais cara da Brastemp. Tal perfil de produtos tornava inviável a utilização da rede tradicional de vendas da Whirlpool, formada por grandes varejistas de apelo popular, como Casas Bahia, Ponto Frio e Magazine Luiza. "Os consumidores dispostos a pagar por eletrodomésticos sofisticados não freqüentam essas lojas", diz Jerome Cadier, diretor de marketing da Whirlpool. Diante disso, a empresa escolheu redes especializadas em cozinhas projetadas de alto padrão, como a paulista Kitchens. "Percebemos que o comprador potencial da KitchenAid escolhe os equipamentos com o arquiteto que projeta sua cozinha, daí nossa opção por uma rede especializada", diz Cadier. A própria Whirlpool encarregou-se de treinar os funcionários das lojas, um trabalho do qual participou um executivo da matriz.

De carro superesportivos a chaveiro

Entre as leis tácitas da indústria do luxo existe uma importantíssima para empresas ávidas por recobrir seus produtos com uma aura de status: prestígio costuma atrair prestígio. É por esse motivo que marcas aspirantes costumam buscar oportunidades de se associar a grifes já estabelecidas. Desde 2001, a multinacional de produtos de papelaria Faber-Castell tem procurado mostrar ao mundo que faz mais do que lápis de cor. Numa estratégia de concorrência com a alemã Montblanc, tem lançado produtos cada vez mais sofisticados. É o caso da caneta Graf von Faber-Castell, da qual, a cada ano, é lançada uma edição diferente. Da coleção de oito peças já produzidas, fazem parte canetas de materiais insólitos, como marfim de mamute fossilizado. A edição 2008 foi produzida com uma madeira indiana chamada cetim e arrematada com detalhes de ouro e quartzo. Para vender o produto no Brasil - apenas dez unidades foram trazidas ao país, por 12 500 reais cada uma -, a Faber-Castell tem procurado eventos com grande potencial de atrair consumidores de alta renda, como o BMW Driving Experience, para o qual apenas proprietários ou potenciais proprietários de BMW são convidados, e o Athina Onassis International Horse Show, campeonato de hipismo promovido pela bilionária Athina Onassis. Nessas ocasiões, a Faber-Castell escolhe estandes estrategicamente posicionados entre empresas como Dior e a fabricante de jatos Gulfstream. "O faturamento de nossos produtos premium não chega a ser significativo, mas eles agregam muito em termos de imagem para a companhia", diz Elaine Mandado, executiva de marketing da Faber-Castell no Brasil.

Há um limite muito tênue entre o que é um produto de luxo e o que não passa de vontade de aparecer e mau gosto - uma dificuldade extra para as companhias que se aventuram por esse caminho. Em países como Rússia, China, Índia e Brasil, esse risco é ainda maior. Como o mercado de luxo é incipiente nesses lugares, é comum associar o grau de prestígio de um produto ao número de dígitos na etiqueta. Uma pesquisa da consultoria Boston Consulting Group aponta que 97% dos consumidores chineses, 92% dos indianos e 84% dos russos estão dispostos a pagar mais por produtos que lhes confiram status e os diferenciem dos demais consumidores. No Brasil, o percentual é menor, 48%, mas mesmo assim significativo. Em cenários como esses, em que o preço exerce papel relevante, é complexo definir o limite entre o luxo e a mera ostentação. Recentemente, a joalheria suíça Knalihs Athem criou uma versão do iPhone, da Apple, com 475 diamantes aplicados nas bordas. Com isso, a empresa conseguiu uma proeza às avessas: multiplicar por 40 o preço do aparelho e destruir sua principal característica, que é o design simples e elegante. Achar o ponto ideal entre os dois mundos já é complicado para as empresas que são do ramo - imagine para as neófitas.

Fonte pesquisada.

terça-feira, 16 de março de 2010

UMIDOR COHIBA PARA FERRARI


Cohiba, lendário fabricante de charutos cubanos, aliou-se a montadora Ferrari para fabricar um umidor portátil especifico para os modelos F430 e 599 GTB.

O umidor dispensa instalações, e vem completo com 12 charutos Siglo VI
.
Preço da peça: US$ 885.

segunda-feira, 15 de março de 2010

PÁSCOA NA HARRODS


Uma sofisticada coleção de ovos de Páscoa está disponível na Harrods, feitos a partir de uma receita inventada pelos mais famosos chocolatiers do mundo.
Nas versões chocolate ao leite, escuro ou branco, com seu interior repleto de trufas de chocolate pink Marc de Champagne.
Imperdível.
Preço: £34.95

Confira outras opções no site:
http://www.harrods.com/HarrodsStore/find/c/giftcards,occasion-easter/psi/13

domingo, 14 de março de 2010

BURBERRY RETORNA AO BRASIL


A Burberry escolheu a capital federal para voltar ao Brasil.
A marca aporta com a primeira loja própria no Iguatemi Brasília dia 30 de março.

Conhecida internacionalmente pela estamparia xadrez nas cores bege, vermelho e preto, a Burberry conquistou reconhecimento com criações para o inverno europeu, utilizando tecidos como gabardine e trench coats.

As jaquetas ganharam ainda mais destaque quando foram usadas pela primeira expedição ao pólo sul, em 1915.

De lá para cá a marca expandiu sua atuação lançando fragrâncias, moda-praia e vestidos luxuosos, da linha Prorsum.


Em 154 anos se estabeleceu como uma das marcas mais luxuosas do mundo aliando tradição e modernidade.

COM QUE ROUPA EU VOU ?


“Esporte fino”, “Passeio completo"...
O que significa tudo isso?


Se você recebeu um convite que traz a indicação de como deve se vestir, a primeira coisa a fazer é entender em que situação o traje se enquadra.

Quando se estabelece um padrão, a idéia é justamente garantir que todos estejam adequados à ocasião.

Quando vamos a uma festa, temos a intenção de homenagear quem nos convidou. Por isso é simpático e educado tentar cumprir com o código de conduta, da melhor maneira possível.

Traje esporte

Esse é o traje mais simples e informal, é o que nós usamos no nosso dia-a-dia. É muito usado para eventos diurnos e ao ar livre.

Mulheres
Calças lisas ou estampadas, vestidos leves e floridos (inclusive os de alças), terninhos, bermudas, blusas. As bolsas devem ser de tamanho médio a grande e de material menos social possível. Use o mínimo de brilhos, jóias, bijouterias e afins. Pouca ou nenhuma maquiagem.

Homens
Calças jeans ou de brim com uma camisa de tecido ou camisa polo de malha. Dispensa gravatas e paletó, mas recomenda-se o uso de um blazer em dias frios. Para os pés, um “sapatênis” cai muito bem.

Traje passeio, passeio informal, tenue de ville, esporte fino

É uma roupa mais elaborada.

Mulheres
Vestidos mais elegantes e tailleur. À noite, o pretinho básico cai muito bem. Os sapatos têm saltos altos e as bolsas vão de média (dia) para as pequenas (noite). Não abuse dos acessórios, nem em maquiagem carregada.

Homens

Podem optar por terno ou usar blazer com calça mais esportiva. Caso venha a optar por um terno, complemente com bela gravata. Se no convite vier tenue de ville, é aconselhável o uso de terno com gravata, seja noite ou dia.

Passeio completo, passeio formal, traje social, social completo

Estilo mais sério, usado em ocasiões de importância tal como reuniões, encontros de negócios, jantares, apresentações, etc.

Mulheres
Use vestidos (longos a noite e longuetes de dia) e tailleurs. Decotes, fendas e transparencias (todos devidamente moderados) começam a aparecer mais. Os tecidos são nobres, as jóias ganham mais espaço. Os cabelos e a maquiagem tem que estar mais trabalhados.

Homens
A ocasião exige terno completo com gravata. Para a noite, sugerem-se as cores escuras, e para o dia, tonalidades mais claras

Black-tie, rigor, habillé, tênue de soirée

São os trajes utilizados em bailes e eventos com muito glamour.

Mulheres
Vestidos longos, normalmente com bainha abaixo do tornozelo (talvez até uma discreta cauda). Decotes, aberturas, transparências e brilhos podem ser usados. Saltos altos, meias finas (de seda), carteira pequenas ou de metal.
Jóias, estolas e echarpes aqui tem seu lugar. A minissaia está proibida. Os cabelos podem estar soltos, mas o ideal é prender. A maquiagem é fundamental e deve estar perfeita.

Homens
Use o Smoking. O ideal é se usar a cor preta. Dê uma atenção especial ao seu caimento pois aqui, cada detalhe é muito importante. A gravata é borboleta. Os sapatos devem ser pretos e podem ou não ser de verniz.

Gala


Casaca para os cavalheiros e vestido longo para as damas. Não use conjuntos.

No mais é aproveitar o glamour de cada ocasião.

Fonte: Matéria pesquisada e aprimorada.

sábado, 13 de março de 2010

O URSINHO DE PELÚCIA MAIS CARO DO MUNDO


Já imaginou um ursinho, com a pelúcia feita em fios de ouro, pupilas em safiras e íris feitas com 20 diamantes?

Pois é isso, a empresa alemã Steiff produziu uma série limitada em comemoração ao 125º aniversário da criação do brinquedo por Margarete Steiff, sua fundadora.

Segundo sua criadora, o modelo foi o primeiro urso de pelúcia do mundo no genero.
Preço do mimo: US$ 87,400


Este foi confeccionado exclusivamente para Karl Lagerfeld. "Limitadíssimo"

quinta-feira, 11 de março de 2010

CONCURSO MAISON CARTIER


Desde 2006, a Maison Cartier promove o "The Cartier Women’s Initiative Awards."

O projeto tem o objetivo de premiar a iniciativa de mulheres empreendedoras do mundo inteiro e principalmente incentiva-las a compartilhar experiências e conhecimento, criando assim uma rede internacional na área.

A competição terá duas etapas:

- A primeira, o júri seleciona 15 finalistas, os três melhores de cada região:
Europa, Ásia, África, America do Norte, e América Latina.
Elas irão receber orientação especializada para continuar na etapa seguinte.


- Na segunda, as finalistas são convidadas a ir até a França para detalhar o business plan e apresenta-lo para o júri. Após esta etapa, o júri escolhe uma participante de cada região para ser a ganhadora do prêmio.

A vencedora receberá um treinamento em coaching na Insead - uma das melhores faculdades de administração do mundo, localizada na Suíça, por um ano e ainda um bônus de US$ 20,000 para começar o seu projeto, incluindo um troféu Made In Cartier.

Para participar desta nova edição, basta acessar o site do projeto, responder a um questionário e apresentar um business plan sobre algum assunto de interesse. O prazo de inscrição vai até o próximo dia 17 de março.


The Cartier Women’s Initiative Awards

www.cartierwomensinitiative.com/cms

quarta-feira, 10 de março de 2010

TOM FORD: O SMOKING DO OSCAR 2010


Hollywood se rendeu a Tom Ford.


Além de estrear seu primeiro trabalho como diretor em “Direito de Amar”, o designer entregou a estatueta de melhor figurino e foi responsável pelos looks de dois apresentadores da noite: Steve Martin e Alec Baldwin.


Fonte: Site Daslu.-
www.daslu.com.br

terça-feira, 9 de março de 2010

LOUIS VUITTON ENCYCLOPAEDIA TRUNK HUMIDOR


Uma rara caixa para acondicionar uma Enciclopédia Britânica, criada pela Louis Vuitton em 1925 para o estudioso viajar, foi adaptada pelo seu proprietário para ser o umidor de charutos mais sofisticado do mundo.

Incorpora um gabinete para armazenar cerca de 500 charutos, juntamente com o umidor removível em nogueira americana, forrada de cedro espanhol temperado

Preço desta obra de arte única: US$ 27,800
Disponível para quem quiser adquiri-la na Galeria Pullman Kingstreet

www.pullmangallery.com

segunda-feira, 8 de março de 2010

COLEÇÃO DE ACESSÓRIOS BURBERRY - 2010


Confira no vídeo a mais recente coleção “Burberry Acessórios”, mostrando sapatos, bolsas e jóias, masculinas e femininas para a Primavera / Verão 2010.

video

VEUVE CLICQUOT SKI GOGGLES


Os óculos Veuve Clicquot, foram criados por Smith Optics para comemorar o evento anual Veuve Clicquot na neve, em Aspen, Colorado.

Os óculos incluir uma forma cilíndrica, carbônico X-lente e um sistema de fluxo de ar, tornando-os um dos itens de moda mais funcional destinada a aparecer nas encostas!
O “must” para os esquiadores.

O preço dos óculos Veuve?... US$ 105,00

quinta-feira, 4 de março de 2010

MONTBLANC BENEFICENTE


A Montblanc reúne indicados ao Oscar em Noite de Gala Beneficente

Em 2009 as vendas da Montblanc Meisterstück Unicef, versão do mais clássico instrumento de escrita Montblanc, arrecadou US$ 2 milhões para os projetos de alfabetização do UNICEF em todo o mundo.

O sucesso da iniciativa vitoriosa será anunciado no evento de Harvey Weinstein, na noite que antecede à grande festa da Academia, e que já figura entre os mais concorridos do Oscar 2010.

300 celebridades são esperadas para a noite e convidadas a escrever seus desejos e pendura-los na Montblanc Wish Tree, nova iniciativa da grife em prol do Unicef.

A árvore, será apresentada ao público na noite deste sábado, 6 de março, no Red Carpet em Los Angeles, e leiloada em setembro com renda revertida para as campanhas do UNICEF.

MAGNATA PERDE RS$ 97 MILHÕES AO DESISTIR DE MANSÃO


Imóvel na França, avaliado em R$ 946 milhões, seria vendido por Lily Safra à bilionário russo

O bilionário russo Mikhail Prokhorov, 44, apontado em 2009 pela revista Forbes como o 40º homem mais rico do mundo, perdeu R$ 97 milhões ao desistir da compra da Villa Leopolda, mansão de Lily Safra, viúva do banqueiro Edmond Safra, na Riviera Francesa.

O imóvel, que ocupa um terreno 80 mil m2 à beira-mar, em Cap Ferrat, estava avaliado em R$ 946 milhões.

O acordo para a compra foi firmado em meados de 2008, quando Prokhorov fez um depósito referente a 10% do valor total da propriedade. Entretanto, com o estouro da crise financeira, em setembro de 2008, o magnata russo decidiu voltar atrás no negócio e pediu o estorno do dinheiro. Fato que não foi aceito pela viúva. Iniciou-se, então uma disputa judicial na corte de Nice (França), encerrada nesta semana, com ganho de causa para a brasileira.

Segundo determinação da Justiça, além de reter o valor do depósito, Lily ainda deverá receber cerca de R$ 3 milhões de indenização. Segundo matéria publicada no jornal Financial Times, o montante será doado para pesquisas médicas e diversas outras entidades assistenciais.

A fortuna de Prokhorov está avaliada em R$ 16,9 bilhões.

Por dentro da villa

Construída em estilo belle époque, a Villa Leopolda já teve donos famosos como Leopoldo II, rei da Bélgica, e Gianni Agnelli, proprietário da montadora Fiat. Rodeada por bosques, pomares e mais de mil oliveiras, a área construída conta com 19 quartos - sendo 11 suítes - 14 banheiros e piscina.


Na década de 1960, serviu de palco para grandes festas do jet set internacional, tendo recebido figuras ilustres como Ronald Reagan e Frank Sinatra.

quarta-feira, 3 de março de 2010

NOVIDADES NO CAESARS PALACE DE LAS VEGAS


O Hotel Caesars Palace de Las Vegas vai estrear seu novo complexo aquático nos "Jardins dos Deuses" agora em março.

As cinco novas piscinas de várias camadas (Apollo, Fortuna, Jupter e duas outras lado a lado, conhecidas como Bacchus), juntam-se às três já existentes: Netune, Venus e Temple, aumentando esta área para 2 hectares.

Novas amenidades incluem jogos e uma cachoeira de mais de cinco metros, cadeiras e daybeds (confortaveis espreguiçadeiras), ficam à disposição dos hóspedes ao longo das piscinas, além das 45 novas cabanas tecnológicas.

www.caesarspalace.com

terça-feira, 2 de março de 2010

LOUIS VUITTON ALLIGATOR WINGTIPS


Projetado para encarnar a tradição da famosa grife francesa, a Louis Vuitton criou para a coleção Primavera/Verão 2010 um sapato masculino artesanal, estilo vintage, feito em couro de jacaré genuíno.

Concebido para dar total conforto, ele é todo trabalhado na sua costura e perfurações, forro interno em couro macio, solado menos vulnerável ao desgaste e com a sua tradicional "logo" em forma de cubo no calcanhar.


Preço da jóia?...US$ 10,000

segunda-feira, 1 de março de 2010

DIAMANTE VENDIDO POR PREÇO RECORDE




A pedra foi encontrada em mina história na África do Sul.
Comprador foi uma joalheria de Hong Kong.

Um diamante de 507 quilates foi vendido nesta sexta-feira por US$ 35 milhões em Londres. O valor é o maior já pago por uma pedra de diamante em estado cru e pertencia ao grupo Petra, empresa exploradora de minérios baseada na Ilha de Jersey.

Analistas avaliaram o valor da pedra gira em torno de US$ 25 milhões. Para o chefe-executivo da Petra, Johan Dippenaar, a gema “tem o potencial para ser lapidada e se transformar em uma das mais importantes pedras polidas”. O executivo afirmou que a pedra foi comprada pela joalheria Chow Tai Fook, de Hong Kong.

Por sua vez, a gema foi achada na mina de Cullinan, na África do Sul, que pertence à companhia. Essa mesma mina tem sido a fonte de alguns dos maiores diamantes já encontrados no mundo, incluindo o maior: o Cullinan, de 3.106 quilates – que se encontra atualmente entre as jóias da coroa britânica.

A gema, de altíssima pureza, tem peso equivalente a cerca de 100 gramas e, segundo a empresa, está “entre os 20 maiores diamantes de grande qualidade encontrados no mundo”.