Bloqueio botao direito mouse

quinta-feira, 10 de maio de 2012

FERRARI USA MURALHA DA CHINA COMO PISTA E CAUSA POLÊMICA


A fabricante italiana Ferrari foi obrigada a se desculpar publicamente após ter usado a Muralha da China como pista de corrida em um vídeo promocional, fato que acabou revoltando moradores, turistas e autoridades, informou nesta quarta-feira (09/05) a imprensa chinesa.

No polêmico vídeo, uma Ferrari 458 (que tem 570 cavalos de potência e no Brasil custa inicialmente R$ 1,5 milhão) percorre parte da muralha como se estivesse na pista, incluindo muitas derrapagens e outros exibicionismos.

Apesar da intenção de celebrar os 20 anos de atuação da Ferrari no país asiático, a realização do vídeo acabou ficando marcada pelos rastros dos pneus no alto da muralha, já que os funcionários da manutenção do monumento não conseguiram apagar.

A muralha foi construída no começo da dinastia Ming (1368-1644), que inicialmente tinha sua capital em Nankín. Posteriormente, os monarcas transferiram a sede imperial para Pequim.

A Ferrari pediu desculpas em um comunicado oficial, no qual afirma que respeita a cultura chinesa e diz que tentará resolver os problemas criados por sua distribuidora local, a Kuaiyi Automobile.


video

4 comentários:

Jairo Rodrigues disse...

Um patrimônio que deve ser preservado antes de tudo.

Fred disse...

Incidente diplomático entre duas potências mundiais: CHINA e FERRARI!!!

Alcides disse...

Nada como uma boa diplomacia para resolver tudo isso.

Átila Soares disse...

Por isso é importante conhecer e respeitar a cultura e o patrimônio de cada país!!!!